nossas notícias

Jovens Universitários preparam-se para visita ao cárcere
Projeto “Por ele” tem inspiração na conhecida frase de Dom Bosco: "Até o meu último suspiro seja por eles, pelos jovens"

A pergunta que permeia o mundo salesiano é: "Quais salesianos para os jovens de hoje?" O capítulo Geral 28 (CG28) que aconteceu nos últimos dias, em Turim, refletiu acerca dessa temática. Nesse contexto, nas últimas duas semanas (02/03 a 13/03), mais de quarenta estudantes universitários debruçaram-se a responder tal pergunta a partir dos estudos da gênese da Congregação Salesiana - o serviço de acompanhamento e devolutiva de dignidade aos jovens que se encontram internos nos cárceres. 

 

A iniciativa que brota de uma parceria da Rede Salesiana Brasil de Ação Social (RSB-Social), da Rádio Dom, do Centro Universitário Salesiano de São Paulo (UNISAL) e da Inspetoria Salesiana de São Paulo (ISSP) leva como identidade o nome: "Por Eles", justamente por ter como motivação aquilo que também estava no coração do Pai e Mestre da Juventude - "Até o meu último suspiro seja por eles, pelos jovens". 

 

Além de salesianos consagrados, diversos professores da área psicológica, pedagógica e jurídica desenvolveram conferências de temas pertinentes a todos aqueles que se propõem a adentrar as unidades de internação. Dentre as conferências houve: "Sistema Preventivo", "Juventudes Psicopatas", Juventudes Suicidas", "Educomunicação", "Substâncias Psicoativas, acompanhamento e intervenção breve", "Juventudes Contemporâneas" e aulas ligadas ao método e história de São João Bosco. 

 

Dentre os profissionais que participaram de forma voluntária a frente das conferências, o Assessor da RSB-Social, Pe. Agnaldo Soares Lima (SDB), esteve presente e partilhou experiências dos mais de 30 anos de trabalho com medidas socioeducativas nas mais variadas esferas, inclusive a nacional. 

 

O próximo passo do projeto "Por Eles" é a visita às unidades de Internação, onde poderão realizar, através de experiências com a rádio (estúdio da Rádio Dom dentro da internação), acompanhamento pessoal e em grupo, bem como a elaboração do projeto de vida de cada um dos adolescentes, proporcionando, a partir da liberdade de cada um, a vida em abundância. 

 

Conheça os depoimentos dos participantes. Clique aqui.

 

Fonte: Rádio Dom